segunda-feira, 2 de julho de 2007

Infância

Capinha de cd (copyleft)Sábado passado vi na televisão um palhaço de um circo russo, aqui no Brasil, dizer que faz circo para os adultos "... eles precisam ser estimulados, as crianças não precisam disso". 


Picasso queria desenhar como as crianças. Mário Quintana tinha saudade de seus brinquedos. Mário Pirata se diz Brincadeiro e brinca de poesia com as crianças. E o meu conterrâneo Marconi Leal também escreve para crianças.

É, parece que as mentes criativas estão povoadas de sonhos da infância...

3 comentários:

Moacy Cirne disse...

É isso aí, Sandra. Concordo com você, no geral. Escrever para crianças, ou como se fora criança, tem um lado estimulante quando se é artista ou poeta. Um beijo.

Jens disse...

Herodes, cadê você?
(Jens, num surto iconoclasta).
Um beijo.

Pirata Z disse...

E viva vocês todas, crianças Arteiras maravilhosas!
Beijo meu