sábado, 22 de março de 2008

haimadrugais

poemas de Cássio Amaral
(in Enten Katsudatsu. Araxá-MG)

gargalhou o saci
as corujas dormem
e as pombas comem pintos


OOOOO

a madrugada
lambe o sono
enquanto o sonho acorda

6 comentários:

Moacy Cirne disse...

Gosto da "poesia mínima" de Cássio Aamaral; você faz bem em divulgá-la. Beijos.

R.C disse...

Esse cara eh gudi plus!

bjx

RF

jorginho da hora disse...

Sandrinha, amo haicai. Esses dois aí são muito bons. Deu prá perceber que um tinha um sentido erótico e o outro me parece que aludía à solidão.

Um abraço.

Anônimo disse...

Sandra,

Minha querida te mandei um email com meu primeiro livro de haikais, mas voltou. Sempre volta os emails q te mando não entendo. Olha, dá uma olhada no meu blog ou no:

http://www.4shared.com/file/41931658/dcf5cb83/SEM_NOME_livro_de_haicais.html?dirPwdVerified=9984f251

Não é vírus não, são meus haikais.

Se possível mande pra tua lista de email.

Grande abraço. Muita luz, saúde, prosperidade e paz.

Cássio Amaral.

orlando disse...

minimal
sensu
sensoriais

Vais disse...

Olá Sandrinha,
gostei e bem criativo o haimadrugais.
cadê você?
beijo grande e otésimo fim de semana.
não some.
outro beijo