sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Manu Chao...


Foi ontem e nem deu pra eu ir...snif snif...


3 comentários:

Lou Vilela disse...

Oi, Sandra!

Apesar do atraso, vim retribuir os votos de um feliz 2011. ;)

Sim, é verdade... “tão longe, tão perto...”. Mas isso é relativo e temporal. rsrs

Beijos procê também!

Halem Souza disse...

Li uma matéria hoje na Folha em que o Mano Chao diz que gosta mesmo é de "tocar em boteco, com violão e uma batucada atrás". Achei bacana, é bom encontrar artistas deste tipo, sem afetação... Um abraço.

sandra camurça disse...

Halem, Manu Chao é dos nossos! ;)

Ah, vi suas dicas de livros do Bauman. Não li.Só li Amor Líquido. Agora estou lendo Bauman sobre Bauman. Grata, viu?

Um beijo