sexta-feira, 16 de março de 2007

Feliz Coincidência

Vejam só,

Estou lendo um livro sobre budismo tibetano (pois é, ainda estou tentando ficar zen) e descobri que existe um rito chamado Cerimônia do Refúgio. No budismo, "refugiar-se significa encontrar um abrigo espiritual verdadeiro, um local onde se possa repousar o coração e a mente, em segurança" (Lama Surya Das. O Despertar do Buda Interior).

Tô meditando, tô tentando. Exige dedicação, tranquilidade e determinação. Não é fácil, como tudo na vida, né? Ah, a vaidade! Como é difícil livrar-se da vaidade. Ah, o apego! Como é difícil livrar-se do apego. Sou até bastante desapegada das coisas materiais mas me desapegar das pessoas é duro, é duro. Amar sem se apegar: isso é libertação. Mas quão é difícil. Então, haja meditação...

O MI TO FO

(do chinês: o meu Buda saúda o seu Buda).

2 comentários:

Acantha disse...

"Quando Tudo Se Desfaz"; "Os lugares que nos assustam" e "Comece onde você está" são livros de uma monja budista, Pema Chödrön. Vale a pena conhecê-la, Sandra querida...

sandra camurça disse...

Valeu pelas dicas, Acantha!
Beijo Grande!