terça-feira, 6 de setembro de 2011

coisa & coiso

quero você bem perto
da minha coisa 


ereto, todo afeto e febre
eu afoita e lebre
de provar seu coiso

2 comentários:

luiz gustavo disse...

“...no cio do céu
flor orgias garoas
fogaréus alegorias...”


www.escarceunario.blogspot.com

sandra camurça disse...

Luiz, grata pelos comentários-poemas que você deixou por aqui :)