terça-feira, 13 de fevereiro de 2007

Da Liberdade


Um possível diálogo entre um monge zen e seu discípulo:
- Mestre, qual o caminho para alcançar a liberdade?
- Já te alimentaste hoje?
- Sim, Mestre.
- Então, lave a louça...

5 comentários:

Moacy disse...

O seu monge é um bocado esperto, minha cara, e o seu novo visual está uma beleza. Mudando de assunto: vale a pena ler a postagem de Jens, hoje. Já a leu? Um beijo.

sandra camurça disse...

Li sim, Moacy: postagem excelente!

Beijos.

Marcos André Carvalho Lins disse...

muito legal seu blog,sandra.
voltarei aqui mais vezes.
abraço,
marcos andré carvalho lins

Jens disse...

Beleza de monge, Sandrinha. Um tanto cínico, não?

Acantha disse...

recado à Jens, Dona Menina: todo monge É cínico JENS... Bjs., SANDRA.